ANÁLISE DO CAMPO TÉRMICO NA ÁREA URBANA DE PONTE NOVA, MINAS GERAIS

Nome: Rodson de Andrade Allocca
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 31/08/2018
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Edson Soares Fialho Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Eberval Marchioro Examinador Interno
Edson Soares Fialho Orientador

Resumo: A presente pesquisa, inserida no contexto recente do aumento das pesquisas em clima urbano nas cidades de pequeno e médio porte, fez um estudo sobre o campo térmico, em episódios sazonais, observado na área urbana do município de Ponte Nova, localizado na região da Zona da Mata de Minas Gerais. Com objetivo de analisar o comportamento do campo térmico, dentro da perspectiva teórica do Sistema Clima Urbano, buscou-se identificar como se relacionam os fatores geoecológicos (relevo, orientação de encosta, altimetria etc.) com os fatores geourbanos (Sky View Factor, densidade de população, padrões de usos e ocupação da terra etc.) na configuração dos padrões térmicos. Buscando alcançar o objetivo proposto, foi estruturada e utilizada uma rede de monitoramento da temperatura do ar, baseada na instalação de pontos fixos de coleta de dados e também na técnica de transects móveis. Além disso, foi produzida e organizada uma base de dados cartográficos sobre o município. Para o desenvolvimento das análises do campo térmico, os dados de temperatura do ar coletados foram submetidos a um método de correção experimental desenvolvido especificamente para atender a realidade da pesquisa. Após a correção dos dados térmicos, foi gerada a espacialização dos mesmos, através da técnica de interpolação Inverse Distance Weighting (IDW), no software ArcMap. Foram realizadas as análises dos resultados para a compreensão do comportamento do campo térmico e a verificação, ou não, da relação de influência do sítio e/ou do meio urbano no padrão de espacialização dos valores de temperatura registrados. Os resultados demonstraram a ocorrência de consideráveis diferenças térmicas intraurbanas, sendo a maior diferença térmica observada no episódio de inverno, quando a Massa Polar Atlântica atuava sobre a região onde o município de Ponte Nova está localizado. A variedade dos fatores climáticos observados no escopo da pesquisa tornou a análise uma tarefa complexa. Contudo, existe um forte indicativo da influência das ações humanas nos valores térmicos observados.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910